Alta adesão à dieta do Mediterrâneo reduz risco de Alzheimer e demência vascular

Estudo da Universidade de Chicago mostrou que uma alta adesão à dieta do Mediterrâneo entre idosos reduz risco de doença de Alzheimer e demência vascular. Os resultados foram um aumento da performance cognitiva verificada por avaliações neuropsicológicas e uma melhora da integridade cerebral avaliada por neuroimagem quando se comparou o grupo de alta versus baixa adesão à dieta.

Fonte:

www.ncbi.nlm.nih.gov/m/pubmed/30698630